ooi gente, tudo bom?

Mil desculpas, esse post era pra ter saído no dia do Halloween, mas com tantos trabalhos da faculdade pra terminar eu fiquei enrolada. Semana que vem são as minhas provas e dai na outra entro de férias, então prometo váaaarias novidades pra vocês. Bom, eu sou apaixonada por Halloween ( pensa na minha frustração por nunca ter saído na rua pedindo doces :/) e também por filmes de terror. Sou a pessoa maaaaais medrosa do mundo, mas desde pequena sempre assisti vários filmes ( óbvio que eu chorei, fiquei sem dormir e também fechei os olhos milhares de vezes). Resolvi separar alguns dos meus preferidos, os três possuem refilmagens, mas nada como os antigos.

 

O primeiro filme foi lançado em 1978, escrito e dirigido por John Carpenter. O filme conta a história de Michael Myers. Na noite de Halloween,  aos 6 anos de idade, ele assassina sua irmã, Judith Myers e é enviado ao Sanatório Smith’s Groove, em Illinois, onde permanece por 5 anos. Fugindo do sanatório, ele volta à sua cidade natal na noite de Halloween de 1978, passando a perseguir sua irmã e seus amigos na sua antiga vizinhança (na verdade Laurie não era considerada sua irmã no primeiro filme, eles mudaram a informação apenas no segundo). O filme de baixo orçamento (os atores usaram as próprias roupas no filme, porque não tinham dinheiro para contratar uma figurinista) acabou arrecadando milhões de dólares e deu origem à uma das sagas mais respeitadas do cinema.

Dirigido por Sean Cunningham e escrito por Victor Miller, foi inspirado no sucesso de Hallowen. O filme também teve um orçamento muito baixo, mas o sucesso de bilheteria fez com que seus produtores já planejassem sua continuação. No filme acompanhamos a história de Jason Vorhess, até então um menino que se afogou no acampamento Crystal Lake. Vinte anos após o afogamento do garoto e também de um assassinato de um casal adolescente, o acampamento está se preparando para voltar a funcionar, apesar de todos os problemas que sempre adiavam as tentativas de reabrir o acampamento. Tudo parecia normal, mas uma série de novas mortes acontecem. No final descobrimos que o assassino é Pamela Voorhess, mãe de Jason, que surtou com a morte do filho e resolveu se vingar. Mas é quando uma das monitoras mata Pamela que Jason aparece na história. Ele começa a se vingar da morte de sua mãe e acaba tendo o posto de assassino nos outros filmes da série. Ah, tenho novidades pra vocês! O diretor Sean Cunningham já confirmou que está trabalhando em um novo filme, que será filmado no primeiro semestre do ano que vem e se tudo ocorrer como ele deseja, o lançamento será no início de 2015. Ele também já deixou claro que não vai ser uma continuação da refilmagem, mas sim uma nova história. E tem mais, uma série também está nos seus planos, Sexta-feira 13: Crystal Lake Chronicles’. Ou seja, Jason Vorhess está de volta galera!

Quem nunca deu um cochilo enquanto assistia A Hora do Pesadelo não sabe o que é rir na cara do perigo UHASHUASHUASUH Lembro da primeira vez que eu assisti um filme da série eu tinha onze anos e vou te contar, não entendi até agora porque eu fiz isso comigo, demorei uns seis anos até ver outro UHASHASHU Mas também assisti todos de uma vez e hoje é um dos meus filmes preferidos. Lançado em 1984, foi dirigido e escrito por Wes Craven. A história se passa na cidade Springwood, Ohio, onde um grupo de adolescentes (pra quem é apaixonado pelo Johnny Depp, o filme foi sua estreia no cinema!) são aterrorizados em seus pesadelos pelo Freddy Krueger, um psicopata que matava as crianças da vizinhança até que os pais resolveram se vingar e o mataram. O filme foi inspirado em vários artigos de jornal do LA Times que falavam sobre mortes sem explicação. Wes Craven ficou obcecado pela ideia alguém morrer dormindo, quando leu sobre o caso dos filhos de um grupo de refugiados cambojanos do violento regime político do Khmer Vermelho. As crianças passaram a ter pesadelos horríveis chegando à privação do sono, seguindo ordens médicas os pais as encorajaram, com muito esforço, a finalmente dormir, até que cada uma delas morreu durante o sono. O caso foi denominado como Síndrome da Morte Súbita Asiática.

Ficou um pouco grande né? Me desculpem! Mas quero saber de vocês, quem aí gosta de filme de terror? Qual é o seu preferido? O que acham dos três que eu falei? Deixa seu comentário aqui pra mim ((:

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Comment *